Mi Serena

Uma ode à maternidade (só que ao contrário)

Posted by in Desabafo, Dificuldades

Filha está em período de férias escolares, e essa semana está sendo especialmente complicada. Filha está com conjuntivite, e eu tenho uma prova para fazer em poucos dias. (Farei a prova por obrigação, já que não consigo me empenhar nos estudos, enfim…) E eu estou cansada. Sim, estou cansada. Alguém me fala: Ela está em casa há 3 dias, e você está cansada?! Milhares de mães gostariam de estar no seu lugar, cuidando de seus filhos. Sim,  estou cansada sim. E o fato de milhares de mães almejarem meu lugar não…read more

Preconceito nosso de cada dia.

Posted by in casos, Desabafo

Creio que todos sabem o que aconteceu com a “moça do tempo” do Jornal Nacional. Maria Julia Coutinho, a Maju,  sofreu as mais horrendas ofensas na internet pelo simples fato de ser negra. Confesso que fiquei triste, mas não surpresa. Eu sei que o racismo existe, o racismo é real, e aqueles que tentam dizer o contrário estão bem por fora da realidade mundial. Não, o racismo e o preconceito não são institutos nacionais, o mundo se mostra cada vez mais intolerante. Dia desses eu fui à uma loja de artigos…read more

O poder das palavras.

Posted by in casos, Desabafo

“- Nossa, a Camila é muito sem jeito, muito desajeitada.” “- Sem-jeito mandou lembranças. “ Eu escuto as frases acima desde que eu me entendo por gente. E elas são ditas pelas pessoas que mais me amam no mundo: meus pais. Tenho certeza que eles não falam com o intuito de me ofender, ou de me diminuir, eles dizem como se constatassem um fato qualquer. Como se dissessem: “Camila tem cabelos escuros e pele clara” Mas o que eles não sabem é que essas frases moldaram e muito a minha…read more

Babás.

Posted by in casos, Desabafo

“Não se trata de aceitar ou não. Por exemplo, quando não falaram o nome das babás da Angélica. A gente não tem nome. Esse mundo de babá é assim. Faz parte entender que neste mundo de ricos e babás é assim. Graças a Deus sei meu lugar. Já fui para vários hotéis e, enquanto os patrões comiam, eu comia sozinha em outro lugar.” A frase acima, que tirei deste texto,  é de uma moça que é babá, uma trabalhadora que labora cuidado de crianças, sabe? Que muitas vezes dedicam mais tempo…read more

Vamos falar sobre a Caitlyn, Romeo e Jazz?

Posted by in casos, Desabafo

Há algum tempo eu expus uma preocupação para meu marido. Perguntei se ele achava que Serena iria querer ter filhos, dada a chance de seus filhos, meus netos, terem Artrogripose. Meu marido me responde: “-Calma! Você nem sabe se ela irá querer ter filhos. Na verdade, você nem sabe se ela vai querer se casar, muito menos se ela vai querer se casar com um homem. Deixe as coisas acontecerem em seu próprio tempo.”  Foi um banho de realidade. E foi bom! Foi ótimo escutar isso, e saber que nossa…read more

A liberdade que não te dei: Palpites.

Posted by in casos, Desabafo

Dando continuidade à série A liberdade que não te dei, iniciado pelo Comadres Antenadas, vou dissecar o assunto PALPITE. Acho que toda mulher que engravida deveria ganhar um curso denominado: “Como não perder a paciência com palpiteiros.” Porque palpite é esporte nacional, minha gente! Palpitam sobre futebol, politica, comida e lógico, palpitam sobre filhos…dos outros. E há de se ter paciência. Como há! Palpitam sobre os hábitos do bebê, como se fossem doutores em pediatria. Tá magro? Dá vitamina! Tá gordo? Dieta boa! Não anda? É preguiça! Chora? Manhoso… e assim se formam…read more

365 dias juntas <3

Posted by in casos, Desabafo

Sereninha, Você veio como o Outono, varrendo tudo que era velho e abrindo espaço para o novo. Tudo aquilo que eu julgava saber, você me mostrou que, na verdade, eu não sabia nada. Naquele 27 de maio, às 7:43 você nasceu. E nasceu pequenina, uma polegarina. E nós nos olhamos e choramos. Acho que choramos de medo, sabe? Medo uma da outra. E seu pai nos olhava meio bocó. Foi bonito. Bonito de um jeito meio desastrado,sabe? Minha primeira vez carregando um bebê novinho, e a sua primeira vez sendo…read more

A liberdade que não te dei: Gente Indelicada

Posted by in Desabafo, Dificuldades

Faz alguns dias que minha prima cientista politica-feminista-sensata-gente boa e autora do blog Comadres Antenadas anda publicando uns posts bem legais chamados “A liberdade que não te dei ” . A Isa tocou em um assunto que costuma ocorrer comigo quase que diariamente: pessoas que se acham no direito de falar o que acham do outro, mesmo que este achismo ofenda ou agrida o outro. Como vocês sabem, Serena é miudinha. Comparada aos demais bebês da mesma faixa etária, ela é realmente miúda. Mas e dai? Suponho que dentre 7 bilhões de…read more

Meu presente de aniversário.

Posted by in casos, Desabafo, Dificuldades

Tá achando que o mês de maio é moleza? Na-na-ni-não-não! Na casa desta que vos fala, temos aniversários nos dias 21, 24 e 27! Sim, sim! Completei 32 anos de pura garbosidade, Cof!Cof!Cof! E sabem o que eu ganhei de aniversário? Um DENTE! Sim! O primeiro dentinho da Serenita rompeu bem no dia posterior ao meu aniversário. Como são interessantes os fatos da vida,né? Em 2014 eu ganhei um bebê. Este ano, este mesmo bebê me deu um dentinho de presente. <3 <3 E olha…foi muito bom ver um dentinho…read more

Memórias que quero apagar.

Posted by in Desabafo, Dificuldades

Serena, Conforme se aproxima o seu aniversário de 1 ano, as memórias do seu nascimento e dos dias que o sucederam vão ganhando força. Eu gostaria muito de poder te dizer que aqueles dias foram os melhores das nossas vidas, mas eles foram difíceis, filha. Muito difíceis. Suponho que tanto para mim, quanto para você. Afinal, você acabava de sair de um ambiente quentinho e seguro para um lugar frio e uma mãe chorona. Porque eu chorava. Chorava muito. Mas eu não quero que você pense que chorava por sua…read more