Filhote com patas <3

Posted by in casos, Dicas

Não bastando uma filha pequena e muito bagunceira, eis que agora temos um novo membro neste velho apartamento do baixo centro belorizontino <3

Ludovico, ou melhor, Ludo. Um lindo (e bagunceiro) filhote de Lhasa Apso, que nos foi presenteado pela madrinha da Serena.  Obrigada, dinda!

Eu e maridón sempre namoramos a ideia de termos um cão. Só que a ideia de cuidar de um animal, um bebê e uma casa sempre foi um pouco assustadora, ainda mais vivendo em um apartamento. Mas o destino quis que a cachorrinha dos meus tios desse cria, e que uma dessas quianças peludas viesse para gente. <3

Na verdade, o Ludo iria para a casa dos meus pais, entretanto, a casa dos velhos está em reforma, ou seja, imprópria para um filhotinho. Ludinho veio para nossa casa e aqui fez um lar. Sabe quando você olha em volta e percebe que era aquilo que faltava? Pois então?! O Ludo era o espaço vazio que se preencheu!

  • É difícil criar um cachorro com uma criança? É um desafio, mas eu não digo que seja difícil. Cachorro é comprometimento, cachorro é doação e paciência. Nada que eu já não venha exercendo com a Serena. Então, para mim, o nosso cachorro é uma soma.
  • Você não acha perigoso??? Não! O Ludinho é um filhote, e tem um temperamento dócil. Ele e Serena brincam juntos, brigam e fazem as pazes. Estou louca para vê-los crescendo juntos.
  • Mas e o cocô? E o xixi? Por enquanto, estamos na fase de treinamento! Tem momentos que dá certo, e vários que não dão, mas como eu disse, cachorro requer paciência.
  • Há estudos que indicam que os animais só trazem benefícios para as crianças E adultos! Animais ajudam no combate à depressão, estresse, trabalha o desenvolvimento motor fino infantil, entre outros. Leia mais aqui.
  • Mas você vai ter que sair para passear com ele! Repita comigo: comprometimento.
  • Mas você vai ter que levá-lo contigo em viagens! Repita comigo: comprometimento.
  • Mas o cachorro dá gasto: Repita comigo: comprometimento.

Já deu para entender que cachorrinho não é brinquedo,né? Não dá para enjoar e guardar no armário, muito menos colocá-lo na rua! Portanto, pense BEM antes de adotar, comprar ou receber um peludinho em casa!

Agora sim! A família está completa! <3 <3